quinta-feira, 30 de janeiro de 2014

A lei da compensação da postura no RPG


>




http://www.physiolabs.com.br/wp-content/uploads/2010/01/RPG2.jpg

A fisioterapeuta francesa Françoise Mézières na década de 40, diante de uma paciente que se apresentava com uma cifose torácica acentuada, observou-a assentada e tentou abrir os seus ombros para desfazer a cifose, mas apareceu uma lordose lombar. Observou-a deitada voltada para o teto e, manualmente, abriu os seus ombros e lá estava uma hiperlordose lombar. Para fazê-la desaparecer, flexionou, então, as coxas contra o abdômen e apareceu uma hiperlordose cervical.

O que é microfisioterapia
Fisioterapia ocular - Ortoptica
Pilates para todos
O que é: Tendinites e Tenossinovites

Tentou desfazê-la, mas as costelas se elevaram e criou-se um bloqueio respiratório na inspiração. “Ao tornar menos acentuada a curvatura de um segmento, simplesmente deslocamos essa curvatura para outro segmento”, conclui Mézières. Ela refez a experiência com outros pacientes e observou o mesmo fenômeno. Criou, assim, a base de sua teoria: os músculos posteriores formam um sistema de cadeias e funcionam como um só músculo; esses músculos são muito curtos e tensos; haverá oposição ao encurtamento dos músculos provocando flexões e rotações da coluna e membros; qualquer alongamento segmentar provocará uma compensação em outra parte da cadeia; todo alongamento ou esforço implica instantaneamente um bloqueio respiratório na inspiração.
Desvios posturais devem ser tratados visando às abordagens das cadeias para se corrigirem as compensações. A partir do sintoma, investiga-se a sua origem. Do ponto de vista global do corpo, conhecendo-se as cadeias musculares, criam-se condições de encontrar o motivo primário ou causal da lesão que levou a uma série de compensações e comprometem a boa postura aparada pela musculatura estática.
Dessa forma, o RPG tem como objetivo atuar neste conjunto de cadeias musculares, de modo que os músculos estáticos sejam alongados e fortalecidos modificando, assim, a atitude óssea deformada. Para isso, é importante a diferenciação entre a musculatura do corpo em músculos estáticos e músculos dinâmicos.